Leves Devaneios



O mundo me chama e me puxa
Ele sorri para mim de braços abertos
Coisas que me escondem
Como dizer não se estou paralisada
paralisada em meus desejos

Como dizer não ao mundo
Tudo tão agradável
Eu em meus devaneios
Tudo sorri para mim
A noite é curta para nós
O mundo é grande para a noite

A Lua desce
O Sol esquenta minha solidão
Mais alguns devaneios
E o caminho parece o mesmo
A mesma direção o mesmo vento
Tudo sopra para o mesmo sentido

Sem eles não posso continuar
Sem eles não posso conter
As lágrimas e a solidão vão aparecer
Sem eles não vou sobreviver
Meus leves devaneios
Me escondem e me massacram
Mas sem eles aonde irei?
Meus leves devaneios

Como dizer não ao mundo se não conheço outro caminho?

IDE - Fiquem com o Rei dos reis!

1 idéias novas!:

Diogo França disse...
29 de dezembro de 2010 14:57

Sabe, esse devaneios são uma coisa. risos.

ótimo pensamento e poesia.
continua mostrando em palavras a realidade e o amor em cada palavra.

Beijo grande.

Volver al inicio Volver arriba Incansável Sentinela. Theme ligneous by pure-essence.net. Bloggerized by Chica Blogger.